cachaca

Home

Cachaça

A cachaça brasileira é da família dos destilados, nasceu da destilação do caldo da cana-de-açucar fermentado, num processo que tem tradição de quase 500 anos.

Cachaça transparente ou branca

Normalmente envasada logo após a sua destilação, a cachaça branca tem sabor e aroma mais rústicos e forte, secos e ardentes. Muito utilizada para elaboração de caipirinha e coquitéis.

Cachaça envelhecida

A cachaça precisa ser armazenada em tonéis de madeira pelo tempo mínimo de um ano para ser considerada envelhecida.
Para a confecção do barril de envelhecimento, cada tonel é feito por um tipo de madeira. Os tonéis de madeira carvalho americano ou europeu são mais raros porem mais utilizados no processo de envelhecimento, existem também várias outras madeiras que o barril pode ser confeccionado (bálsamo , imburana, amendoim, cedro, freijó, jequitibá, dentre outras).
Cada madeira oferece permeabilidade, aroma e cheiro diferentes à cachaça. No envelhecimento em barris, a cachaça perde álcool e enriquece com produtos secundários aromáticos provenientes da reação entre a madeira, o oxigênio e os componentes secundários produzidos na fermentação da bebida. É também a madeira que confere à bebida a cor dourada ( Amarela ) e o sabor aveludado, suave e fino.

Mercado Atual

Assim como aconteceu com a vodka , o destilado de cana-de-açucar busca a sofisticação e diversidade de aromas para fugir do padrão e popular , conquista público mais sofisticado. ( Fonte: Isto é dinheiro).
Cachaça vai as baladas com sabores e menos álcool ! O público jovem esta no alvo dos produtores de cachaça. Que querem disputar o espaço da vodka nas festas. ( Fonte: Valor econômico ).